Como Eu Era Antes De Você - Jojo Moyes

por - 13.6.16

“Às vezes, Clark, você é a única coisa que me dá vontade de levantar da cama.”
página 236

“Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Sua vidinha ainda inclui o trabalho como garçonete num café de sua pequena cidade - um emprego que não paga muito, mas ajuda com as despesas - e o namoro com Patrick, um triatleta que não parece muito interessado nela. Não que ela se importe. Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor tem 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de ter sido atropelado por uma moto, o antes ativo e esportivo Will agora desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Sua vida parece sem sentido e dolorosa demais para ser levada adiante. Obstinado, ele planeja com cuidado uma forma de acabar com esse sofrimento. Só não esperava que Lou aparecesse e se empenhasse tanto para convencê-lo do contrário.
Uma comovente história sobre amor e família, Como eu era antes de você mostra, acima de tudo, a coragem e o esforço necessários para retomar a vida quando tudo parece acabado.”
Ano: 2013 - Páginas: 320 - Editora: Intrínseca
ISBN-13: 9788580573299 - ISBN-10: 8580573297

Hey pessoas! Então, eu li o tão falado livro da Jojo Moyes.
Quem não conhece a história, ou que não ouviu falar dela, que atire a primeira pedra.
Como Eu Era Antes de Você é daqueles livros que todos já leram, ou se não leram, já ouviram falar.
O que foi meu caso, descobri essa história num grupo sobre livros, onde dez entre dez pessoas já o tinham lido, e o descreveram como sendo um dos melhores livros ever.
No começo achei a reação das pessoas um tanto quanto exagerada. Será que eu estava certa?

Me Before You, ou Como Eu Era Antes de Você, conta a história de Louisa Clark, uma mulher em seus vinte e seis anos que trabalha em um café, o Buttered Bun, e não espera muito da vida, até ser demitida sem aviso prévio. Lou é pega tendo que procurar um novo emprego para contribuir com a renda de sua família. Após tentativas mal sucedidas, como um estágio em uma fábrica de processamento de frangos, com ajuda do conselheiro da Agência de Empregos, ela encontra uma vaga como cuidadora. E aí conhecemos Will Traynor, um personagem totalmente difícil de lidar e que não aceita o que foi imposto em sua vida, a tetraplegia.
Lou tem a missão de fazer com que, em apenas 6 meses, Will desista de por um fim a própria vida, e mostrar que não é impossível viver sob uma cadeira de rodas.
Com o passar do tempo, Lou acaba se sentindo atraída por Will, o que faz com que ela termine seu namoro de anos com o triatleta Patrick, o que foi algo bom, mas não muito explorado, já que ele não parecia ter um pingo de interesse por ela.
A história é, sem dúvidas, convidativa, você quer ler as 320 páginas no mesmo dia, você precisa. O livro aperta o coração de uma maneira mais do que real, pois você, querendo ou não, se coloca no lugar de Lou, e coloca alguém que ama no lugar de Will, e percebe o quão essa situação é dolorosa e pouco suportável, a história é demasiadamente triste e dramática, coisas que provocam comoção no leitor. E o faz chorar por alguns dias, é acontece.
Will fez Lou enxergar que existia um mundo além da parede que ela havia construído em volta de si. Mostrou que existe coisas incríveis, e que ela deveria viver cada uma delas, não deveria se contentar em levar uma vida cem por cento monótona. Ele a tirou de sua zona de conforto.

“Nada de “talvez”. Você precisa sair daqui, Clark. Prometa que não vai passar o resto da vida enfiada nesta cidade que mais parece uma maldita estampa de jogo americano.”
página 172

Se por um lado Will a fez se sentir viva, por outro, Lou não fez uma grande diferença em sua vida. Foi bom passar o tempo com ela, nada além disso.
A história é incrível, mas  (não me matem) não vi romance ali, nem nada do tipo, apenas tentativas falhas de Louisa em querer se aproximar de Will, em querer com que fossem um casal, eu disse tentativas bem falhas? Certo.

Daí rola a pergunta:
“Agatha, teve algo que te incomodou na história?”
SIM! Demais!
Alguém me responde, para quê tantos pov's (point of view - visão do personagem) em primeira pessoa? Sinceramente, foi algo desnecessário. Particularmente eu detesto pov's em primeira pessoa. Seria bom se fossem em terceira pessoa “ele disse” ao invés de “eu disse”.
Fui jogada em pensamentos da irmã da Lou, do pai e até do enfermeiro de Will, algo que me incomodou muito.
E se Como Eu Era Antes de Você é realmente um dos melhores livros ever?
Como eu sempre digo (na verdade, às vezes) um bom livro é aquele que você consegue extrair algo para a própria vida, seja de uma situação boa ou ruim. E percebi que inconscientemente estava me tornando uma Louise Clark da vida, e o bom desse livro foi isso, fazer você acordar e não querer ser uma Lou, que se acomoda e aceita o que uma vida sem sentido e propósito oferece. A história te motiva fazer algo, qualquer coisa. Ser mais Will. #NãoQueroSerLou.

E como na vida tudo pode melhorar, essa semana tem a estreia do filme, com Daenerys Targaryen no papel de Louisa Clark e Sam Claflin como Will Traynor. O trailer está maravilhoso:


E o livro com acabamento brochura, com capa bem parecida aos livros anteriores da Jojo Moyes, Como Eu Era Antes de Você tem continuação, e o nome é um spoiler, então não vou citá-lo.
Apesar dos pov's e mais pov's a minha nota foi 5/5, foi um dos livros que me fez não gostar (bendito Will!) e amar ao mesmo tempo, é simples, triste, alegre, triste, e recomendo para todo mundo.


“Você só vive uma vez. É sua obrigação aproveitar a vida da melhor forma possível.”
página 172
adicione ao skoob - adquira na amazon

E vocês, o que acharam dessa história? Teve romance? Não teve romance? Diz ae :3
aproveite e siga o blog por aí
Até!

posts relacionados

4 comentários

  1. Oi Agatha!
    Ainda não li o livro, mas confesso que adorei a tua resenha, ela me deixou com mais vontade ainda de ler. Adoro quando as pessoas mostram uma opinião diferente da que todo mundo está falando. Então, adorei ler suas impressões sobre a história :)

    PS: Adorei o seu novo layout (que eu não sei se é novo mesmo, porque faz tempo que não apareço aqui)!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhhh que bom que gostou, espero que goste tbm da história. O bom é isso, conhecer as diferentes opiniões sobre um mesmo livro, e depois escolher um lado #TeamNãoTeveRomance haha ♥
      ps.: Simmm! O layout é novo :')

      Excluir
  2. Já li esse livro e achei ele muito amorzinho. No começo também não entendia a reação das pessoas ao falar sobre ele, mas depois... confesso que chorei no final do livro. Agora estou ansiosa para assistir o filme <3
    Beijinhos!

    estante-imaginaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também chorei no final :(
      Como Eu Era Antes de Você é uma baita história! mal vejo a hora de poder assistir.
      Beijoo <3

      Excluir

Hey, seja muito bem-vindo(a)! Fique à vontade para comentar e obrigada pela visita.
Abraços!!
@quaseoutono